domingo, 9 de dezembro de 2007

Movimentos perpétuos

Daquela janela tudo parecia tão perto
quase lhe tocava a mão
não fossem as gotas da chuva.
Daquela janela conseguia ver,
com os olhos cansados
de tanto chorar,
que tudo estava trocado.
A janela
O molhado

O querer
O não querer
A proximidade
Naquela janela, molhada de lágrimas
tocou em pensamento
o que ia deixar
o que ia partir e
o que ia ficar…

5 olás!!:

lurainbow disse...

Deemais . Esta lindo . Quase k da para sentir as lagrimas e toque frio do vidro .Todo o sentimento , brrrrrr :))

Beijinho

Bruno disse...

belissima escolha olá!!! :)

Whispers in night disse...

Ola, Ola!!

Naquela janela, vive o frio da solidao, vive o olhar cansado, vive um coracao magoado.
Parabens, adorei esta muito bonito
te deixei um desafio no whispers
desejo que tenhas uma semana feliz
mil beijinhos
Whispers

FM disse...

Se imaginassemos quantas pessoas passam a vida interia à janela... sem coragem para a abrir... É tão triste, tão agoniante a solidão...

Olá!! disse...

Obrigada... acreditem que de vez em quando escrevo coisas mais alegres hahahaha
Beijos para todos