terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008

Definição de Avó

Está espantosa esta definição!
Só mesmo vinda de uma criança...
Artigo redigido por uma menina de 8 anos e publicado no Jornal do Cartaxo.
Uma delícia!

Uma Avó é uma mulher que não tem filhos, por isso gosta dos filhos dos outros.
As Avós não têm nada para fazer, é só estarem ali.
Quando nos levam a passear, andam devagar e não pisam as flores bonitas nem as lagartas.
Nunca dizem 'Despacha-te!'.
Normalmente são gordas, mas mesmo assim conseguem apertar-nos os sapatos.
Sabem sempre que a gente quer mais uma fatia de bolo ou uma fatia maior.
As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes.
Quando nos contam historias, nunca saltam bocados e nunca se importam de contar a mesma história várias vezes.
As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo.
Não são tão fracas como dizem, apesar de morrerem mais vezes do que nós.
Toda a gente deve fazer o possível por ter uma Avó, sobretudo se não tiver Televisão.


27 olás!!:

Statler disse...

E um avô, e um avô, não...?
Sempre, sempre a descriminação!!!

(continuo sem conseguir aceder à tua janela de comentários)

mik@ disse...

loool :)
está delicioso isto... fez-me lembrar uma bisavó, (sim eu ainda conheci 3 dos meus :P), que me contava montes de estórias e era assim pequenina e gordinha :)
que saudades :P
bjos

Whispers in night disse...

Ola''ola''
Que lindo..............minha avo foi uma mae para mim, sempre sera uma grande mulher na minha vida.
Minha Querida te deixei desafio, se o quiseres fazer claro:)
beijinhos mil
Rachel

Tá-se bem! disse...

Olá, tás a ver se me fazes chorar ou quê?!
Gostei muito!!:)
Beijo

liamaral disse...

Que ternura!! Que delicia!! Simplesmente fantástico!

vsuzano disse...

sempre estavam lá quando precisava deles.... lembro-os sempre com o maior carinho e amor.

jitos velhinhos...

Ricardo disse...

Adorei o texto.
É bem verdade... vejo isso nos meus pais, que agora são avós!!!

mjf disse...

Olá!
Texto lindo, genuino , inocente...

Gostei.

Beijos

ps- 68+1=????

paulofski disse...

Eu tambem me perguntava porque não podia tirar os dentes como o meu avô fazia!!!

Vou contar esta redação às avós do meu filho. Elas vão adorar.

Beijinhos (às minhas avós também)

Gui disse...

Como avô que sou fiquei deliciado. E não é que a criança tem razão.
Parabéns por teres postado este delicioso testemunho.

SILÊNCIO CULPADO disse...

OLÁ
Muito ternurenta esta definição.Agora as avós já não são tanto assim.
Olha pequena, e a tua mãe, está a melhorar?

Beijinhos

AllenGirll disse...

Que lindo, OLá...
Adorei o texto!
Só mesmo a inocência de uma criança para poder aceitar, compreender e amar verdadeiramente uma pessoa idosa .. e dar-lhe valor.. :)

BJinhus*

Miudaaa disse...

Que mimo de palavras certinhas!!!
Adorei!!!

Gosto muito da sensibilidade pura destes seres. Gosto. Gosto.

São seres simplesmente fantásticos, as pessoas com mais idade!!!

Um Beijo da miudaaa na tua BoXeXa!!!

parvinha disse...

Tenho boas recordações das avós!

Penso que fiz-te o mesmo desafio que a Rachel(risos), sorry...

Muitos beijinhos

Lisa's mau feitio disse...

(...)


Precisava de ler algo assim. Um anjo mandou-me aqui, como sempre.

Obrigada por todo o apoio que tens dado e deixado, amiga. Assim vale a pena, realmente, partilhar.

Beijos para ti.
Saudades.

Lisa

Oliver Pickwick disse...

Não por acaso aquela máxima, quem é avó, é mãe duas vezes. Entretanto, ninguém conhece uma avó como uma criança. Este texto é a prova.
Beijos!

FM disse...

Fiquei com saudades dos únicos 2 avós que conheci... Ainda há dois anos fui visitar a campa de uma minha avó... que mal conheci.
Orei por ela.
Beijos.

Rp disse...

Faz todo o sentido!
As crianças são umas sábias.
Olha.. A máquina de finos não ta a funcionar. Ve la, se calhar é melhor mudar o barril! =)
Bejinhos

Jonas disse...

Agora que estou mais para avô do que para pai, aquela de que 'MORREM MAIS VEZES DO QUE NÓS' não me calhou muito bem.
abraço

Ka disse...

Já tinha lido esta descrição e assenta na perfeição na minha avó, que já cá não está.

Que saudades das coisas boas...hehe

Gostei imenso de reler este texto :)

Beijinho e um excelente dia!!!

conchita disse...

Lindo, lindo, lindo!!!
É por isso que o que temos de mais bonito e puro neste mundo são as crianças!!
Beijos e continuação de uma boa semana :)

Capitão Merda disse...

A sinceridade de que só as crianças são capazes...

Olá!! disse...

Statler, os avôs estão englobados, óbvio. Quanto à janela, usa um pé de cabra…. miminhos


Mik@, eu não tive a tua sorte…
Beijossssssssss


Whispers, claro que aceito o desafio…
As avós, por vezes, são mães a dobrar…
Beijosssssssss


Tá-se Bem, ainda bem que gostaste, mas não me inundes o blog ;)))
Beijosssssssss


Liamaral, ainda bem que gostaste…
Beijosssssssssss


VSuzano… eu sei…
Beijinhosssssssss


Ricardo, um texto simples mas cheio de conteúdo. A minha mãe é bisavó, 4 vezes ;))) acho uma delicia…
Beijosssssssss


MJF, texto puro…
PS… malandra hahaha
Beijosssssssssssss


Paulofski, conta sim… acho que todos os avós gostam desta história e todos deviam ser assim, com ou sem placa;))))
Beijossssssssssss


Gui, obrigada eu. Parabéns avô…
Beijossssssssssss


Lídia, também achei o texto fantástico, embora discorde de ti, os meus filhos tem uma avó destas, só lhe falta a placa… e no dia a dia ainda vejo muitos avós reformados a fazer o papel de pais ocupados….
A minha mãe que podia ser minha avó, está melhor, obrigada, mas a idade não perdoa…
Beijossssssssss


Allen, lindo mesmo… vivam os avós.
Jinhossssssssss kida


Manaaaaaaa miudaaa, é taum bom ser assim… inocente… genuíno.
Na verdade a velhice acaba por ser um retorno à infância, será daí que provêm o entendimento????
Beijosssssssssssss em tu


Parvinha, infelizmente não tive avós por muito tempo…
Sim foi o mesmo desafio… tá feito ;)))
Beijossssssssssssss mil


Lisa, estou sempre aqui, não vou invadir o teu espaço nesta altura, sei o quanto deves estar a ser “bombardeada”…
Beijos millllllllll com muito carinho


Oliver, coberto de razão…
Beijo grande


FM, tenho saudade dos que conheci e também dos que não conheci, pelo que ouço contar deviam ser pessoas fantásticas… Tenho uma pena imensa que os meus filhos não tenham conhecido o meu Pai… falo-lhes muito dele.
Beijossssssssssss


RP, as crianças têm um instinto fantástico…
Já mudei o barril… ;)))
Beijosssssssssssss


Jonas, a idade não escolhe o número de vezes que morremos…
Infelizmente há gente a morrer antes de viver e há, também aqueles que vivem mortos, o que para mim ainda é pior…
Beijosssssssssss


Ka, fico feliz por teres uma destas avós…
Beijo grande


Conchita, totalmente de acordo contigo… ainda não entendi bem em que altura nos perdemos???? Crescer tem destas coisas…
Beijossssssssssss


Capitão, a sensibilidade e sinceridade…
Beijosssssssssssss

Hydrargirum disse...

Eu já conhecia este texto...é dilicioso...da boca das crianças saem as maiores verdades:)

Jinhos:)

Olá!! disse...

Tal e qual, Hydra...
Jinhos ;)))

Oliva verde disse...

Lindo!
E uma alegria imensa me invade porque sei que quero ser uma avó assim!

Olá!! disse...

Aposto que vais ser uma dessas queridas "vós" G...
Beijossssssssssssss